sábado, 25 de fevereiro de 2012

A maior injustiça da Academia

Já foi dito aqui várias vezes: Oscar não é parâmetro de qualidade. Mas, os votantes da Academia, todos os anos, dão o que falar com suas escolhas, no mínimo, duvidosas, e as injustiça culminadas diante de tais posturas. Como conceber que um cineasta do quilate de Alfred Hitchcock nunca tenha levado uma estatueta de Melhor Diretor?

Ao longo de seus 60 anos de carreira, o mestre do suspense recebeu várias indicações, nunca ganhou. Em 1968, recebeu o então intitulado prêmio Irving G. Thalbert, pelo conjunto de sua obra. É a mesma coisa que dar um atestado de aposentadoria para o cineasta.

A reação de Hitchcock diz tudo, e talvez por isso a Academia tenha se apressado em dar um Oscar a Martin Scorsese por um filme mediano (Os Infiltrados, de 2007), para não cair no erro de ter que oferecer um prêmio honorário. 

Fonte: Youtube

Nenhum comentário:

Postar um comentário