segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Pan Negro é o grande vencedor dos prêmios Goya

Redação


O filme Pan Negro, de Agustí Villaronga, saiu consagrado da edição 2011 dos prêmios Goya, voltado para o cinema espanhol, ganhando em nove categorias, incluindo melhor filme. Javier Bardem conquistou o prêmio de melhor ator, pelo seu trabalho em Biutiful, que também está indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro. Os prêmios Goya foram entregues neste domingo.

O longa Lope, dirigido pelo brasileiro Andrucha Waddington, levou os prêmios de melhor canção original e melhor figurino. Na categoria melhor filme europeu, O Discurso do Rei foi o grande vencedor. Confira a lista completa dos vencedores:

Melhor Filme
Pan Negro

Melhor Filme Estrangeiro falado em espanhol
La Vida de los Peces (Chile)

Melhor Filme Europeu
O Discurso do Rei (Reino Unido/Austrália)

Melhor Filme de Animação
Chico & Rita

Melhor Diretor
Agustí Villaronga por Pan Negro

Melhor Novo Diretor
David Pinillos por Bon Appétit

Melhor Atriz
Nora Navas em Pan Negro

Melhor Ator
Javier Bardem em Biutiful

Melhor Atriz Coadjuvante
Laia Marull em Pan Negro

Melhor Ator Coadjuvante
Karra Elejalde em También la lluvia

Melhor Atriz Revelação
Marina Comas em Pan Negro

Melhor Ator Revelação
Francesc Colomer em Pan Negro

Melhor Roteiro Original
Buried

Melhor Roteiro Adaptado
Pan Negro

Melhor Fotografia
Pan Negro

Melhor Montagem
Buried

Melhor Trilha Sonora Original
También la lluvia

Melhor Canção Original
Que el soneto nos tome por sorpresa em Lope

Melhor Direção de Arte
Pan Negro

Melhor Direção de Produção
Tambén la lluvia

Melhor Figurino
Lope

Melhores Efeitos Especiais
Balada triste de trompeta

Melhor Som
Buried

Melhor Maquilhagem
Balada triste de trompeta

Melhor Curta-Metragem
Una caja de botones

Melhor Curta-Metragem de Animação
La bruxa

Melhor Curta-Metragem Documental
Memorias de un cine de provincias

Melhor Documentário
Bicicleta, cuchara, manzana

Nenhum comentário:

Postar um comentário