terça-feira, 28 de setembro de 2010

Polanski: ator e diretor


Carlos Baumgarten

Após a polêmica envolvendo o cineasta Roman Polanski, por conta da acusação de pedofilia que o levou recentemente à prisão, o Festival do Rio abre uma mostra fotográfica exibindo duas fazes do franco-polonês: na atuação e na direção. A exposição tem entrada gratuita e prossegue até o dia 5 de outubro.

Os registros como ator remontam os seus 14 anos de idade, quando Polanski já demonstrava seu talento para as artes cênicas, dando seus primeiro passos no palco. Há ainda passagens por suas atuações em seus filmes de faculdade e em obras mais conhecidas como O Inquilino (1976), O Bebê de Rosemary (1968) e O Pianista (2002). Além disso, há o registro em produções que atuou de outros diretores, como Chinatown (1974).

Como diretor, há o registro de inúmeros filmes e mais de 20 de cartazes de seus trabalhos, cedidos pelo Museu de Fotografias de Lodz. Também integram a exposição fotos antigas do acervo pessoal do próprio cineasta. Obviamente, não podia deixar de ser promovida uma mostra de filmes sobre Polanski, na qual serão explorados os primórdios de sua carreira, ainda quando era um estudante da Escola de Cinema de Lodz.

Após a exibição dos filmes, no próprio Pavilhão do Festival, serão realizados debates sobre o trabalho e trajetória de Polanski, todos abertos ao público. Mais informações: www.festivaldorio.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário